Criando NuGet Packages - Parte 1 - Convenções

8/30/2012 11:05:39 AM By Felipe Pessoto

Nos posts anteriores expliquei como criar seu próprio Feed Nuget, mas a grande vantagem é poder publicar seus Packages personalizados, permitindo distribuir para os Developers as bibliotecas usadas na sua empresa.

Antes de começarmos, vou explicar algumas convenções usadas, vou basicamente copiar a documentação original:

Package Id:

Os Packages devem seguir o mesmo padrão de nomenclatura dos namespaces no .NET. Por exemplo, Ninject.Mvc3 em vez de Ninject-Mvc3.

Packages de exemplo: Use o sufixo ".Sample" para o package, por exemplo, se o nome do seu package é Clay, então o exemplo de como usar clay será Clay.Sample. Também, dentro da pasta content, organize seus exemplos dentro de a estrutura /Samples/PackageID. Por exemplo, o package Clay.Sample deverá ter uma pasta /Samples/Clay.

Conteúdo do Package

Pasta App_Start: Quando usar o package WebActivator, coloque todo o código de inicialização da aplicação em uma pasta App_Start dentro da pasta Content. Veja este post para mais detalhes.

Assemblies: Em geral, faz sentigo ter um package por assembly. Em alguns casos, se sua biblioteca tem assemblies que não fazem sentigo em qualquer outro contexto exceto dentro da sua biblioteca, então tudo bem colocar estes assemblies dentro do mesmo package. Por exemplo, se você tem um Foo.dll que depende do Bar.dll e você acha que alguem pode depender do Bar.dll, então faça dois packages. Mas se você tem Foo.dll e Foo.resources.dll, então não faz sentido ter duas packages separadas.

Versionamento do Package

Para entender o versionamento no NuGet, a seguinte série de 3 posts é muito importante (e rápida!) Leia: NuGet Versioning Part 1: Taking on DLL HellPart 2: The core algorithmPart 3: Unification via Binding Redirects.

Escolhendo uma Versão: Em geral, faz sentido version o package de acordo com a versão da biblioteca, mas não esqueça as regras de versionamento que o NuGet usa caso sua biblioteca tem um esquema de versionamento não padronizado. Em geral é recomendado que a versão do package corresponda à biblioteca, mas não é obrigatório.

 

Criando NuGet Feeds Remoto

8/25/2012 7:18:46 PM By Felipe Pessoto

Veja o artigo anteior, como criar um Feed Local

Em algumas empresas existem restrições de quais bibliotecas devem ser usadas, portanto você pode criar um servidor interno somente com as Packages que desejar.

Também é um excelente recurso para colocar as bibliotecas desenvolvidas internamente, facilitando o gerenciamento das dependencias e atualizações, que é o meu caso.

Na Athié criamos algumas bibliotecas que são usadas em diversos projetos, incluindo um pacote que não é bem uma biblioteca, mas um conjunto de arqivos que facilitam muito o start de um novo projeto, configurando Logs de erros, Master Page com o layout padrão da empresa, bibliotecas jQuery, autenticação, profiler do banco de dados, etc. É só criar um novo site, instalar o package e começar a programar o que interessa.

Existem duas possibilidades, criar um feed a partir de um diretório, seja local ou uma pasta de rede, ou hospedar via HTTP. A primeira opção é mais simples, porém fica mais dependente do caminho de rede e não possui cache, sendo que toda operação requer a leitura de todas as Packages. Neste artigo vou mostrar como criar um Feed remoto

Criando Feeds Remoto

Read more...

Criando NuGet Feeds Locais

8/25/2012 6:40:27 PM By Felipe Pessoto

Em algumas empresas existem restrições de quais bibliotecas devem ser usadas, portanto você pode criar um servidor interno somente com as Packages que desejar.

Também é um excelente recurso para colocar as bibliotecas desenvolvidas internamente, facilitando o gerenciamento das dependencias e atualizações, que é o meu caso.

Na Athié criamos algumas bibliotecas que são usadas em diversos projetos, incluindo um pacote que não é bem uma biblioteca, mas um conjunto de arqivos que facilitam muito o start de um novo projeto, configurando Logs de erros, Master Page com o layout padrão da empresa, bibliotecas jQuery, autenticação, profiler do banco de dados, etc. É só criar um novo site, instalar o package e começar a programar o que interessa.

Existem duas possibilidades, criar um feed a partir de um diretório, seja local ou uma pasta de rede, ou hospedar via HTTP. A primeira opção é mais simples, porém fica mais dependente do caminho de rede e não possui cache, sendo que toda operação requer a leitura de todas as Packages. Neste artigo vou mostrar como criar um Feed local

Criando Feeds Locais

Read more...

Desenvolvedor na Athié Wohnrath

8/22/2012 1:58:41 AM By Felipe Pessoto

Olhando meu MyWebCareer (pra quem não conhece, vale a pena se cadastrar e ver como está sua presença na Internet) percebi que não postei sobre o novo trabalho na Athié Wohnrath. Já faz mais de 3 meses e estou aproveitando bastante as novas experiências. A empresa não é de tecnologia, mas de Arquitetura, uma das mais conceituadas, contando com vários prêmios. O setor de TI tem crescido bastante pra agilizar os processos, é um desafio novo, atendendo exclusivamente uma empresa a forma de trabalho muda em alguns aspectos.

Boletos Bancários e CNAB com Boleto.Net

8/22/2012 1:58:29 AM By Felipe Pessoto

Se precisar emitir boletos bancários, gerar arquivos de remessa ou ler arquivos de retorno o Boleto.Net deve ajudar. Por usar padrões da Febraban, não é tão fácil achar código pronto, pois fica limitado a comunidade brasileira de desenvolvedores que é extremamente pequena comparada ao resto do mundo.

Em um projeto da empresa precisei ler um arquivo CNAB240, porém o Boleto.Net ainda não suportava o Segmento E, acabei fazendo minha própria implementação e hoje conversei com o coordenador do projeto pra incluir o suporte no Boleto.Net também, assim ninguem mais precisa refazer esse código. Na conversa decidimos fazer algumas atualizações de tecnologia e padrões.

Começando pelo NuGet, que agora facilita pra quem precisar usar a biblioteca e o próximo passo é mudar o controle de versão pra Mercurial, facilitando a colaboração de código.